Início Saúde Cuidados Cães e gatos contraem Febre Amarela?

Cães e gatos contraem Febre Amarela?

COMPARTILHAR

Nos últimos dias ouvimos muito falar sobre o surto de febre amarela, onde estão sendo oferecidas vacinas em grande parte do Brasil, principalmente em zonas próximas aos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Espirito Santo.

Mas, a questão que fica é: O meu cachorro ou gato pode pegar a Febre Amarela? Nós reunimos informações nesse texto que vão te ajudar a entender um pouco mais sobre essa questão.

A preocupação começou com a morte de dez macacos em Itapecerica da Serra, pela doença. Desde então, aconteceram alguns casos de pessoas machucando ou até mesmo matando macacos, com medo de se infectarem com o vírus e na intenção de acabar com o surto. Entretanto, o medo das pessoas foi tão grande que acabaram não penando antes de agir, pois os macacos não fazem a transmissão da doença, eles, assim como nós, são vitimas da Febre Amarela.

É bom sempre ficar atento as indicacões e contra indicações da vacina!

A transmissão do vírus da Febre Amarela pode ser feita somente de duas maneiras: em meios rurais, pelos mosquitos Haemagogus e Sabethes, ou em meios urbanos, pelo Aedes aegypti (mesmo mosquito que transmite doenças como Dengue, Zika vírus e Chikungunya).

Dentre os principais sintomas da doença, estão o cansaço, febre, dores pelo corpo, náuseas e vômitos, calafrios, e dor de cabeça, que aprecem nos três primeiros dias. Após os primeiros sintomas, começam a aparecer sintomas de insuficiência renal, icterícia (olhos e pele em tom amarelado) e hemorragias internas ou externas. A Febre Amarela não tem cura, porém, é possível fazer o tratamento dos sintomas.

Segundo o ministério da Saúde, até o momento, foram confirmadas 35 pessoas que adquiriram a doença, dentre esses, 20 óbitos confirmados. Porém o maior surto dos últimos tempos aconteceu entre 2008 e 2009, no qual 51 ocorrências foram confirmadas.

Mas meu animal de estimação, pode contrair a doença?

Nossos peludos fazem parte da nossa família, todo o cuidado com a saúde deles é necessário

Não, os gatos e cachorros não podem contrair a doença! Nós, seres humanos e os macacos somos hospedeiros do vírus, por isso pegamos a doença, mas os animais de estimação, não. Porém, é preciso tomar cuidado, pois os mosquitos também são transmissores da Leishmaniose, Dirofilariose ou Verme do Coração, entre outros.

Por isso, a prevenção, é evitar que ela se espalhe, por meio da vacina, nos humanos, que se tomada em dose única, tem a duração da vida toda, mas após a aplicação, demora em torno de dez dias para surgir efeito. E também evitar a água parada em garrafas, pneus e etc. e deixar ralos e esgotos tratados.

Aos animais de estimação, também existem prevenções, como a Coleira Seresto, que, além de prevenir contra as pulgas e carrapatos, ainda previne contra a Leishmaniose.

Tome todas as medidas necessárias para que nem você e nem o seu peludo contraiam nenhuma doença, pois nem a Febre Amarela e nem a Leishmaniose têm cura.

 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorAprenda a entender o seu gato
Próximo artigoInstagram de cachorros que bombaram em janeiro
Redação Geração Pet
Adoramos ler, escrever e falar sobre pets! Amamos cães, gatos e todos os animais e estamos aqui para te ajudar a entender tudo sobre o seu amiguinho, tirar dúvidas, se divertir, rir, emocionar e conhecer várias dicas importantes.