Início Saúde Cuidados Como exercitar um cão com excesso de peso?

Como exercitar um cão com excesso de peso?

COMPARTILHAR
0 Flares 0 Flares ×

Assim como nós, humanos, precisamos de uma rotina regular de exercícios físicos e uma boa alimentação para evitar problemas com a saúde, os nossos queridos cães também têm essa necessidade. Combater a obesidade canina é essencial, para que os peludos não fiquem suscetíveis a doenças e tenham uma vida melhor.

Aqui neste post temos dicas de como identificar se o seu cachorro está obeso, vale a pena dar uma olhada!

Um cão obeso se torna um alvo fácil de males como a diabetes, pressão alta, câncer e depressão. Nesse texto iremos te ajudar, oferecendo dicas de como fazer o seu cachorro emagrecer!

Exercícios diários

As caminhadas ajudam muito no tratamento e prevenção da obesidade canina

Todos os cachorros precisam de exercícios diários para terem uma boa saúde. Por isso, tutores, prestem atenção na sua rotina, pois ela influencia diretamente o seu cãozinho. Caso tenha uma vida mais sedentária, com muitas doses de sofá, cama, televisão, computador e muitas refeições diárias, certamente seu pet acabará ficando acima do peso.

A melhor dica para ajudar um cachorro que passou do seu peso ideal é fazer com que ele se exercite. Para cães menores, como Yorkshires e Shih Tzus, por exemplo, duas caminhadas de 30 minutos por dia já é o suficiente.

Adicione a isso algumas brincadeiras, também, que além de serem super divertidas para o cãozinho, o ajudará a perder peso.
Já para cachorros maiores e que, historicamente, eram utilizados para caça e tração de veículos, como Huskies e Dálmata, por exemplo, a dose diária de exercícios precisa ser maior. Cães com muita energia precisam de, no mínimo, uma hora de corridas e caminhadas.

É indicado, ainda, deixa-los soltos em parques e áreas verdes, para que se divirtam e possam aproveitar um momento gostoso de atividades ao ar livre. Esses cachorros não gostam de ficarem presos em espaços pequenos por muito tempo e podem se tornar destrutíveis, caso isso aconteça.

Para evitar a obesidade

Cachorros obesos costumam ficar mais tristes

No caso de doenças, é sempre bom adotar medidas para evitar que elas atrapalhem o bem-estar dos bichinhos. Por isso, existem alguns tipos de exercícios que auxiliam na prevenção da obesidade canina.

O Agility é um deles. Para aqueles cães que adoram superar obstáculos, essa prática ajuda a manter uma boa dose de exercícios na rotina dos peludos.

Se trata de uma série de obstáculos que o cachorro precisa passar, durante uma corrida, que ainda ajuda a manter a disciplina e a agilidade.

O Agility é uma ótima opção para evitar que o cachorro fique obeso

Outro tipo de exercício ótimo para evitar que o cachorro fique obeso é o Canicross. Nada mais é que um corrida com o tutor. Você só precisa treinar seu cão para que corra ao seu lado e assim os dois podem ter um momento prazeroso e cheio de saúde juntos!

Caso seja possível, os tutores podem recorrer à natação. Algumas raças adoram brincar na água, como os Labradores. Além de ser divertida, a natação exercita todo o corpo do cachorro de uma só vez.

Cuidados com a alimentação

Estimule sempre o seu cão a brincar para ter uma vida mais saudável

Para evitar ou tratar a obesidade canina, é preciso muita atenção com a alimentação. Existem rações medicamentosas que ajudam bastante no tratamento dessa doença, que atinge 30% dos cachorros no Brasil.

Os cães precisam se alimentar em horários corretos e com porções específicas indicadas pelos veterinários para cada raça. Por isso, nunca deixe de consultar um profissional!

Uma dieta composta de alimentos ricos em proteínas, com uma mistura de fibras para ajudar a controlar o apetite e reduzir a ingestão involuntária de alimentos é uma ótima dica. Evite alimentos muito gordurosos e rações com preços baixos, pois não oferecem os nutrientes necessários para garantir a saúde do cachorro.

Fique de olho também na saúde psicológica do seu animal. O estresse pode auxiliar numa maior ingestão de alimentos, fazendo com que o cão atinja níveis de obesidade.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorGuia de raças – Dálmata
Próximo artigoCães entendem humanos de outros países?
Adoramos ler, escrever e falar sobre pets! Amamos cães, gatos e todos os animais e estamos aqui para te ajudar a entender tudo sobre o seu amiguinho, tirar dúvidas, se divertir, rir, emocionar e conhecer várias dicas importantes.