COMPARTILHAR


bulldog francesPorte:
 pequeno (de 29 a 35 cm) Bulldog Francês
Peso: de 8 a 14 kg
Necessidade de exercício diário: baixa
Temperamento: alegres, brincalhões, tímidos com estranhos e amigáveis com outros animais
Adestrabilidade: alta
Expectativa de vida: 9 a 11 anos

Personalidade

O Bulldog Francês é um típico cão de pequeno porte. É um cachorro muito forte para o seu pequeno tamanho. O bulldog francês possui proporções compactas e pelagem muito macia. A aparência da raça Bulldog Francês é a de um animal ativo e inteligente, musculoso e com sólida estrutura óssea.

O temperamento do Buldogue Francês também confere um tom especial à raça, são cães normalmente alegres, calmos, companheiros, brincalhões e muito inteligentes. Como todas as raças de companhia, eles necessitam, acima de tudo, de contato constante com humanos. Suas necessidades de exercícios são mínimas e variam de cão para cão. Sua natureza calma os torna grandes escolhas para aqueles que vivem em apartamento, assim como sua falta de interesse em latir.

Sendo uma raça de cara achatada, é essencial que seus futuros donos entendam que Bulldogs Franceses não devem viver fora de casa. Seu sistema de respiração comprometido não os permitem regular suas temperaturas eficientemente. Além do mais, os Bulldogs Franceses são bem pesados e podem ter dificuldade em nadar. Sempre cuidado quando exercitar seu cão no calor.

O peso do Bulldog Francês pode variar de 8kg a 14kg. A altura dos exemplares da raça deve ser sempre proporcional ao peso do animal.

Ele não é dos mais obedientes. Mas, graças à natureza bem-comportada e pouco destruidora, as teimosias da raça não costumam se transformar em problemas de convívio. No conhecido ranking de obediência canina publicado no livro A Inteligência dos Cães, do psicólogo Stanley Coren, o Bulldog Francês obteve a 58a colocação entre as 79 estabelecidas. A avaliação do resultado detalha: os exemplares da raça tendem a repetir um mesmo exercício de adestramento por mais de 25 vezes até que demonstrem compreendê-lo. E geralmente só o assimilam totalmente após expostos a ele de 40 a 80 vezes. No dia-a-dia, contudo, quando a questão principal é seguir as normas domésticas e respeitar as vontades dos donos, o estilo desobediente exige apenas uma dose extra de paciência dos familiares para repetir duas ou três vezes alguns dos chamados e das ordens que o Bulldog insistir em ignorar.

Cuidados Especiais

O Buldogue Francês também precisa de diversos cuidados especiais.

• Ele precisa estar sempre arejado e fresco, não podendo em hipótese alguma ficar com muito calor. A troca de calor é feita pelos cães através da salivação e do focinho, e como cães com a “cabeça achatada” tem um focinho muito curto, ficam prejudicados neste quesito.
• Podem ter problemas de ouvido.
• É bom estar atento às rugas da face, limpando-as com frequência. A limpeza pode ser feita com soro fisiológico e algodão. Tome cuidado para não deixar o local úmido. Seque bem.
• Precisam de pouco exercício. Se você notar que seu cão está cansado, pare. Uma caminhada curta de 15 minutos é o suficiente pra suprir suas necessidades.

Caso precise caminhar por um longo trajeto junto de seu Bulldog, considere utilizar uma bolsa de transporte para levá-lo! Conheça algumas ótimas marcas clicando aqui.

• A maioria não consegue nadar. O melhor é não incentivá-lo. Buldogues não são cães ligados à água, como os retrievers, por exemplo.
• Não crie Buldogues no quintal. É uma raça que além de ser apegada ao dono, não lida bem com mudanças climáticas. É uma raça para viver em apartamento, confortavelmente, com temperatura amena e ao lado do seu dono.
• Buldogues Franceses roncam, como todo cão sem focinho. Esteja preparado para isso.
• Não é preciso tosá-los.
• Para as fêmeas parirem, é preciso fazer cesariana, pois a cabeça dos filhotes é muito larga para sair no parto natural.

História

Alguns dizem que o Bulldog Francês é uma raça francesa por excelência, outros estão certos de que se trata de uma variação de “mini bulldogs ingleses”. De fato o bulldog francês, também conhecido como frenchie, é uma raça que deve sua existência a pelo menos três países:

Inglaterra, França e EUA. A Inglaterra ajudou com a base da raça, que foi o antigo Bulldog. Criadores franceses transformaram esses pequenos Bulldogs em um tipo francês distinto, e criadores Americanos foram os primeiros a exigir as tão conhecidas orelhas de morcego.

Veja aqui rações feita exclusivamente para as necessidades especiais do Bulldog Francês!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorGuia de Raças: Vira-Lata
Próximo artigoEscolha o melhor nome para seu pet!
Somos diferentes, amantes da natureza, descobridores da linguagem não verbal e entendimento pelo olhar. Somos diferentes, mais conscientes, mais amados, mais felizes, fazemos parte da Geração Pet. E acreditamos que nenhum lar é um lar sem um pet, é apenas uma CASA!