Início Dicas Como aparar as unhas do gato?

Como aparar as unhas do gato?

COMPARTILHAR
Credito: Alexas_Fotos por Pixabay

Os gatos adoram arranhar objetos, como sofás, colchões e até mesmo cortinas. Isso pode se tornar um problema para os tutores dos bichanos.

Além de acabar estragando os móveis, esses arranhões podem machucar as pessoas da casa, já que os gatinhos gostam também de usar suas unhas afiadas para brincar.

Mas saiba que é possível aparar as garras dos peludos, para evitar acidentes e objetos estragados em casa. Nesse texto iremos dar dicas de como fazer isso da melhor forma!

É preciso paciência

Eles não gostam muito que mexam em suas patas. Crédito: Karin Laurila por Pixabay

As unhas podem ser aparadas em intervalos de 15 a 30 dias, conforme a necessidade de cada caso.

O problema é que os gatos geralmente não gostam muito que seus tutores segurem suas patas. Por isso, caso você queira cortar as suas unhas, terá de ter paciência com seu bichinho.

Para que ele se acostume com esse toque nas patas, no dia a dia, ao acariciá-lo, passe a mão em todas as suas patinhas. Segure-as de vez em quando, até que isso se torne normal para o gatinho.

Eles usam suas garras para escalar árvores e móveis. Crédito: Kessa por Pixabay

Assim que ele permitir que você segure as patas, o processo de aparar as unhas pode ser iniciado.

O corte pode ser feito com cortadores de unha comuns. Porém é possível encontrar produtos específicos para isso nos pet shops.

Segure o gato de costas para você e segure uma pata, apertando levemente para que a unha fique mais evidente.

Repare que há uma parte rosada, por onde passam nervos e vasos sanguíneos. Essa região não deve ser cortada, pois senão irá machucar o bichinho e causar sangramento.

O corte deverá ser feito somente na pontinha da unha, onde ela é mais afiada.

Eles podem estragar móveis com suas unhas. Crédito: Divulgação

Repare no comportamento do seu animal. Se ele estiver muito agitado, vá cortando aos poucos, de uma a duas unhas por vez. Assim ele não ficará estressado.

Todo esse processo pode ser feito em casa. Caso você não se sinta confiante para fazer sozinho, peça a ajuda de um médico veterinário ou algum profissional especializado em estética animal.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorGuia de Raças: Bullmastif
Próximo artigoCachorro sem apetite: Como identificar e tratar
Adoramos ler, escrever e falar sobre pets! Amamos cães, gatos e todos os animais e estamos aqui para te ajudar a entender tudo sobre o seu amiguinho, tirar dúvidas, se divertir, rir, emocionar e conhecer várias dicas importantes.