Início Saúde O que são zoonoses?

O que são zoonoses?

COMPARTILHAR

No processo de domesticação de certas espécies de animais, o ser humano permitiu um contato mais próximo com os bichinhos. Isso fez com que os peludos pudessem se tornar como parte de nossas famílias.

Mas isso também aumentou a propagação das chamadas zoonoses. São doenças transmitidas ao ser humano pelos animais, ou vice-versa. A palavra deriva do grego, em que “zoo” significa “animal” e “nosso” é “doença”.

Neste texto iremos explicar mais sobre esse assunto, além de dar dicas sobre como evitar esses males.

Principais doenças

Os animais doentes transmitem os vírus para o ser humano

As zoonoses podem ser transmitidas pelos animais ao ser humano por meio de vírus, bactérias, protozoários, fungos e outros micro-organismos. O contato próximo com os bichinhos infectados faz com que a pessoa contraia a doença, ou então o próprio ser humano pode contaminar o animal e deixá-lo doente.

Se tratam de doenças que ameaçam a saúde pública, por isso merecem bastante atenção dos tutores para evitar a sua proliferação. Os principais animais que transmitem são os mais próximos ao ser humano, como os cachorros, gatos, ratos, morcegos, aves e insetos.

Entre as zoonoses mais comuns estão:

• Toxoplasmose (transmitida principalmente pelos felinos que são hospedeiros definitivos do protozoário da doença);
• Leptospirose (muito comum em época de chuvas, porque é transmitida por meio do contato com a pele ou pela ingestão de alimentos contaminados com a bactéria);
Raiva (doença provocada por vírus e transmitida através da mordida de um animal contaminado);
• Dengue e febre amarela (transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti);
• Histoplasmose (os fungos presentes em fezes secas de passarinhos, pombos ou morcegos são causadores dessa doença).

Centros de zoonoses

Animais bastante próximos dos humanos, como os pombos, transmitem as zoonoses

As administrações públicas dos municípios, Estados e Federação são responsáveis pelo controle das zoonoses. Por isso, sempre promovem ações de controle e erradicação dessas doenças. Exemplos bastante comuns são a vacinação contra a raiva, promovida gratuitamente todos os anos para gatos e cachorros, e os projetos de combate à proliferação do mosquito Aedes aegypti.

Para poder ajudar nisso tudo, os tutores devem sempre manter os seus animais com a vacinação em dia. Além, também, de procurar pela ajuda de médicos veterinários diante de qualquer sinal de doença do bichinho.

COMPARTILHAR
Artigo anterior7 fatos que marcaram o Mundo Pet em 2018
Próximo artigoGuia de raças: Basset Hound
Adoramos ler, escrever e falar sobre pets! Amamos cães, gatos e todos os animais e estamos aqui para te ajudar a entender tudo sobre o seu amiguinho, tirar dúvidas, se divertir, rir, emocionar e conhecer várias dicas importantes.